#Etiqueta – Encare uma mesa completa sem medo

image

Não recuse convites para jantares só porque você terá que se comportar como uma lady ou um cavalheiro! Sabemos que muitos podem sentir um frio na espinha só de pensar em sentar em uma mesa cheia de pratos e talheres que não estamos acostumados em nosso dia a dia. O pior ainda quando você tem que dar um jantar formal ou quase formal por causa de uma ocasião especial. Não sabe quais são as regras de etiqueta à mesa? Não sabe arrumar uma mesa? Calma! Respire fundo, pois não é tão complicado assim arrumar uma mesa formal e um pouco menos formal para esse jantar. Não haverá 100 talheres para você na hora de comer.

O que assusta, apesar da beleza da mesa é: O que tenho que fazer? Por onde devo começar? Você achará que tem garfos demais, colheres demais, pratos demais e copos demais, e nem sabe o que fazer. Não se afobe.

Para quem vai montar a mesa, fica mais fácil se distribuir os convidados pela mesa fazendo um esquema de quem vai sentar onde e colocando o nome perto do prato. Isto facilita o convidado a achar o seu lugar. O anfitrião vai ficar na ponta ou no centro da mesa, dependendo da disposição que esta mesa está dentro de casa.

Se for formal monte da maneira do cronograma abaixo. E saiba, vai fazer bonito! Sente-se todos juntos, após o comando do anfitrião, ele que convida todos à mesa, senta-se primeiro e todos o seguem. São as regras da etiqueta. Não há necessidade de sofrimento. Abaixo você encontra algumas dias essenciais para se portar bem em qualquer lugar:

image ou image ou

image ou imageou

image

1. Não apoie os cotovelos na mesa, no máximo o antebraço

2. Suas mãos devem sempre estar limpas e se o jantar for altamente formal haverá lavanda para lavar as mãos e uma toalhinha para você enxugá-las. Sempre em um jantar muito formal haverá garçons para servir e retirar os pratos.

3. Dependendo do convidado, ele poderá expor na mesa o menu para você acompanhar o que será servido.

4. Retire o guardanapo que está sobre o prato, abra-o e coloque sobre o seu colo, você irá usá-lo para limpar delicadamente a boca e quando a refeição terminar, disponha este guardanapo sobre a mesa e do lado esquerdo do seu prato.

5. Comece sempre de fora para dentro com os talheres e os de sobremesa estão dispostos acima do prato principal.

6. Nunca use seus talheres para se servir em uma bandeja.

7. Para comer, use o garfo na mão direita e a faca descansa sobre a parte superior do prato, com a lâmina voltada para dentro, caso você não esteja cortando nada. Os braços devem estar colados ao corpo para que você não esbarre em outro convidado.

8. Não coma correndo. Caso não queira ser mais servido, recusando por exemplo, a sobremesa, posicione sua mão direita sobre o prato onde será servido e negue levemente com a cabeça. Se após algumas garfadas estiver convencido de que o prato que lhe serviram não é do seu gosto ou já estiver satisfeito, cruze os talheres e não continue comendo. Ninguém ficará chateado.

9. Terminando o seu jantar arrume os talheres no prato, coloque o garfo e a faca com os cabos voltados para a direita.

10. Os talheres sempre permanece no prato. Estes talheres não devem tocar mais a mesa, pois já foram utilizados.

11. Claro que ninguém vai ficar calado durante um jantar, mas lembre-se que você não está em uma churrascaria, onde todos falam alto e ao mesmo tempo. Fale baixo. Converse baixo.

12. Nunca converse com os talheres nas mãos como se eles estivessem regendo a conversa. Já vi gente fazendo isto e comida voando pela mesa e para o colo alheio.

13. Quer falar, descanse os talheres nas bordas do prato, apoie os antebraços na mesa ou mantenha-os no seu colo.

14. Falar de boca cheia, jamais! Ninguém merece ver os alimentos sendo triturados pelos seus dentes enquanto você fala. Sinceramente, rico ou pobre isto é terrível. Mastigue sempre de boca fechada .

15. Nem pense em fazer barulho com que está comendo. Se estiverem servindo um consomé (sopa), esqueça o famoso barulhinho. Isto não é sinal de que está saboroso.

16. Quando for comer lembre-se que a comida deve ir até você e não você abaixar em direção ao prato. #dica: Para não passar vexame de comida caindo enquanto você leva o alimento até sua boca, basta colocar pouca comida no garfo. Desta forma, você vai acompanhando todos os convidados.

17. Nunca corte alfaces. Eles devem ser dobrados com o grafo até formar uma trouxinha.

18. Fumar é proibido na mesa, usar o celular  ou colocá-lo em cima da mesa, também não é recomendado.

Mas se eu for um médico e tiver com um paciente grave e precisar atender a ligação? Deixe no volume o mais baixo possível ou no vibra call, dentro de sua bolsa, em seu colono colo. Peça desculpas aos covidados, atenda rapidamente e fale baixo.

19. Palitar os dentes nem sozinho em frente ao espelho. É um ato que eu como  blogueira considero de terrorismo contra seus próprios dentes. Usar o guardanapo para limpar? Uiii, é arrepiante. Qual a solução se algo está incomodando? Peça licença e vá até o banheiro e resolva a situação.

20. Se for beber algo que está sendo servido, engula o alimento primeiro depois beba. Limpe sua boca com o guardanapo após engolir o alimento e após beber enxugue seus lábios levemente.

21. Se o jantar for to tipo self-service nada de colocar tudo o que quiser no prato. Não faça misturas. Você pode repetir e deve seguir a ordem de entrada, prato principal e sobremesa. Sempre na ordem.

22. Vai servir vinho? Pode deixar a garrafa na mesa, isto é elegante. Se for servir sucos, mates ou refrigerantes é aconselhável colocar o líquido em uma jarra bem bonita.

23. Nem pense em passar alimentos de um prato para outro. Se for empratado (comida disposta num prato individual de forma a ter um aspecto agradável e apetitoso), o seu prato será igual ao do outro convidado. Não querendo este prato, recuse como já foi dito.

24. Deseja algo que está sobre à mesa? Está fora de seu alcance? Nem pensar em passar o braço na frente de outro convidado ou se levantar para pegar. Peça para quem está mais perto para que te entregue o que está querendo.

25. Não discuta polêmicas na mesa, como futebol, religião ou política. Sempre acaba em briga.

26. Está com fome e nada foi servido? Não coma desesperadamente e antes do anfitrião, a não ser que ele peça e só começa a comer quando a metade já tiver sido servido.

27. Derrubou um talher ou comida no chão. Recolha você mesmo e coloque no prato do pãozinho que já foi utilizado. o anfitrião irá providenciar a reposição.

Você deve estar pensando: está blogueira enlouqueceu! É muita frescura! Eu digo que não! Quando aprendi pensei o mesmo que você e hoje sou tremendamente agradecida. Torne algumas destas dicas um hábito e você verá que está se comportando educadamente.

Se quiser fazer um jantar informal, compre guardanapos de papel com desenhos assimétricos ou com desenhos bonitos. Coloque flores para decorar. Dê preferências as flores baixas para que o convidado do outro lado da mesa possa lhe ver. A decoração não pode ser um impedimento para conversas.

Para que tanta Etiqueta? E de onde surgiu isto? Estas  normas de etiqueta surgiram na França, como o objetivo de padronizar o comportamento de um grupo social. Mas foi durante o reinado de Luis XIV, rei da França é que a etiqueta atingiu seu apogeu. O Rei gostava tanto de atividades culturais que acabou construindo o Palácio de Versailles onde passou a viver.

O nome “etiqueta” vem exatamente a partir desta época. O Rei distribuía etiquetas aos nobres quando estes chegavam ao pátio do palácio, contendo instruções de como se portar, o lugar a ser ocupado na mesa e outras instruções.

E como esta frescura acabou chegando ao Brasil? Apesar dos poucos hábitos de higiene de D. João VI (já comprovado pelos historiadores), foi ele quem implantou a etiqueta quando transferiu a corte de Lisboa para o Rio de Janeiro.

E por que ela existe? Para o convívio em sociedade, impor limites. E não fique preocupado de um jantar para outro, a disposição dos pratos, talheres guardanapos sempre será as mesmas e as regras de etiqueta não mudam nunca. Agora se você quiser, fazer tudo ao contrário…fica por sua própria conta e risco. Não importa o lugar, se você não tiver pelo menos o básico não haverá respeito e as pessoas começarão a comentar que você  não é uma pessoa educada e passarão a evitá-lo (a), pois a vida é pautada pela educação.

Sabemos que em casa, não fazemos tudo isto! Mas, que tal começar a praticar bons hábitos. Um deles é fazer um almoço ou jantar para a família. Se todos estiverem falando ao mesmo tempo, peça controle. Comece treinando. Todos falando baixo e comendo de boca fechada. Travem uma conversa sem gesticular com os talheres na mão e nada de prato de estivador. (rs) Podemos aprender devagar! Que tal?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s